SUSPEITO DE MASSACRE NA BOATE É IDENTIFICADO

Um ataque armado na boate gay Pulse, em Orlando, EUA, causou a morte de 50 pessoas e deixou 53 feridos, na madrugada deste domingo, 12.

pulse

A informação veio da agência de notícias Amaq, ligada ao Estado Islâmico do Iraque e da Síria (ISIS), que afirmou ser o grupo militante responsável pelo massacre na boate Pulse. O comunicado foi emitido em árabe e em inglês pela própria agência nas redes sociais.

“O ataque armado contra uma boate gay na cidade de Orlando, no Estado norte americano da Flórida, que deixou mais de 100 vítimas entre mortos e feridos, foi realizado por um combatente do Estado Islâmico” – assegura Amaq.

O suposto autor do tiroteio é Omar Mateen, um americano de 29 anos, que pode ter agido sozinho, sem a participação direta do Isis, no entanto, o grupo terrorista islâmico autoriza e apoia ações desse tipo, inspiradas na ideologia jihadista desse grupo que controla partes da Síria e do Iraque, inclusive assumindo a autoria dos crimes em nome do grupo.

Foto do perfil de Omar Mateen no MYSPACE.

O FBI está investigando a gravação de uma ligação que Mateen fez ao número de emergência 911 pouco tempo antes do ataque, proclamando sua filiação ao ISIS.

pulse 3

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*